Arquivo

Envio obrigatório do Relatório Anual de Segurança e Saúde no Trabalho

2018-03-02

A semelhança dos anos anteriores, será obrigatório as empresas elaborarem e enviarem o Anexo D – Relatório Anual da Atividade do Serviço de Segurança e Saúde no Trabalho, integrado no Relatório Único, referente ao ano transato.

De acordo com a Portaria n.º 55/2010, de 21/01, o Relatório Único é entregue por meio informático, através do site www.gee.min-economia.pt, durante o período de 16 de março a 15 de abril.

A ACIFF assegura o cumprimento desta obrigatoriedade aos associados e clientes do serviço de Segurança e Saúde no Trabalho.

Caso tenha duvidas não hesite em nos contactar.

Noticias Relacionadas

Programa de aceleração NEWTON

2018-08-01

Se tem uma ideia de negócio no setor do turismo o programa Newton é o indicado para o seu projeto!

O Newton é um programa de aceleração promovido pela RIERC - Rede de Incubadoras de Empresas da Região Centro em parceria com o Turismo de Portugal, tem como objetivo apoiar projetos de empreendedorismo no setor do turismo.

As candidaturas estão a decorrer até ao dia 15 de setembro de 2018.

Para quem?
- Empreendedores (um ou em equipa) que tenham uma ideia de negócio na área do turismo;
- Empresas criadas há menos de 2 anos que exerçam a sua atividade na área do turismo;
- Empresas criadas há menos de 5 anos, desde que pretendam lançar um novo produto ou serviço na área do turismo.

Em que consiste?

Fase de aceleração - Realização de 9 workshops de 5 h cada um, repartidos ao longo de 9 semanas interpoladas, incluindo tutoria durante e entre as sessões.
Fase de Validação - Atribuição de um prémio no valor de 2.000€ a cada equipa para realização de protótipo e validação (MVP) no terreno, com tutoria da incubadora de sua região e apoio dos respetivos mentores.
Demo Day Final - Apresentações públicas, com investidores e instituições ligadas ao turismo.
Serviços de incubação numa das incubadoras da RIERC para os melhores projetos.

Inscrições até 15 de setembro aqui!

ACIFF entrega prémios aos vencedores do Passatempo de Montras

2018-07-13

A Direção da ACIFF representada pela Vice-presidente Tesoureira Vitória Abreu e pelo Vice-Presidente do Comércio João Santiago, em conjunto com Tiago Carvalho representante do jornal Diário de Coimbra entregaram nas instalações da Associação, os prémios aos vencedores do passatempo levado a cabo no passado mês de junho.

A Direção da Associação, nas palavras de Vitória Abreu “agradeceu a participação de todos e enalteceu a qualidade verificada em grande parte das montras a concurso”. Segundo a própria 'a qualidade das montras tem vindo a aumentar' facto que só dignifica as lojas participantes e o comércio de rua da cidade.
Reforçou ainda a necessidade de se fazer estas iniciativas e a importância da envolvência dos lojistas nestas e em outras iniciativas que a Associação tem levado a cabo.

Os lojistas presentes também consideraram uma mais valia este tipo de ações e reforçaram a necessidade de haver outras, no sentido de dinamizar os estabelecimentos comerciais.

Assim sendo, Miúdos Giros loja vencedora do primeiro lugar recebeu uma estadia na Quinta das Lágrimas.
O Diamante Azul que ficou no segundo lugar recebeu como prémio um leitão e duas garrafas de espumante no Restaurante Três Pinheiros, na Mealhada.
O terceiro lugar partilhado entre a República - Loja Colaborativa e a Casa Tinoco foram contempladas com um vale nas lojas Gois, a primeira, e a segunda um vale garrafeira D. Vinho.

Todos estes estabelecimentos receberam ainda a oferta da assinatura, durante um ano, do Jornal Diário de Coimbra que foi o patrocinador em conjunto com os seus parceiros, do Passatempo de Montras que teve como tema os Santos Populares no Comércio da Figueira da Foz.

A todos a direção da ACIFF agradece a participação.

LINHA CAPITALIZAR 2018

2018-07-11

Lançada pelo Ministério da Economia, a 11 de julho de 2018, a Linha de Crédito Capitalizar 2018 tem uma dotação de 1.600 milhões de euros, distribuídos por um conjunto de instrumentos financeiros dirigidos maioritariamente a PME.

Com montantes de financiamento entre 50 mil e 2 milhões de euros por empresa e prazos que variam entre 3 e 10 anos, a Linha de Crédito Capitalizar 2018 está disponível nos balcões dos bancos aderentes e está estruturada em linhas de crédito específicas:


Linha “Micro e Pequenas Empresas”

Dotação: 450 milhões de euros
Objetivo: melhorar as condições e facilitar o acesso ao crédito às Micro e Pequenas Empresas

Linha “Indústria 4.0 – Apoio à Digitalização”

Dotação: 100 milhões de euros
Objetivo: melhorar e facilitar o acesso ao crédito às empresas que desenvolvam, produzam ou invistam em soluções tecnológicas no âmbito da Indústria 4.0 – Apoio à Digitalização

Linha “Fundo de Maneio”

Dotação: 700 milhões de euros
Objetivo: complementar à Linha IFD (que tem restrições ao financiamento de Fundo de Maneio)

Linha “Plafond de Tesouraria”

Dotação: 150 milhões de euros
Objetivo: Induzir a oferta de crédito na modalidade de plafond de crédito em sistema de revolving conferindo maior flexibilidade à gestão de tesouraria

Linha “Investimento Geral”

Dotação: 100 milhões de euros
Objetivo: financiamento de investimentos: Regiões de Lisboa e Algarve; Não PME e CAE's fora da Linha Capitalizar

Linha “Investimento Projetos 2020”

Dotação: 100 milhões de euros
Objetivo: complementar à Linha IFD 2016 para despesas de investimentos em projetos 2020

Consulte toda a informação no documento de divulgação da Linha de Crédito Capitalizar 2018.

CONCURSO DE IDEIAS DE NEGÓCIO - PLATICEMAR

2018-06-15

PERIODO DE CANDIDATURAS – 15 DE JUNHO A 02 DE SETEMBRO DE 2018

Está a decorrer o período de candidaturas ao Concurso de Ideias de Negócio do Projeto PLATICEMAR (uma iniciativa conjunta da Inova-Ria, ACIFF – Associação Comercial e Industrial da Figueira da Foz, Fórum Oceano, NERLEI e Sines Tecnopolo).

Com o objetivo de, por um lado, promover o empreendedorismo e a inovação e, por outro, incentivar a criação de novos conceitos de negócio, o concurso pretende estimular a criatividade em sectores emergentes da Economia do Mar com base na aplicação das TICE, apoiando o empenho das empresas e fomentando o desenvolvimento de startups.

Assim, até 2 de Setembro de 2018, o Projeto Platicemar aguarda a entrega de candidaturas com (muito) boas ideias relacionadas com a Economia do Mar. A ideia vencedora terá um prémio monetário no valor de 5000 euros, que é, sem dúvida, um bom incentivo para a concretização inicial de um projeto inovador.

PORQUE O NOSSO MAR É SEMPRE UMA BOA IDEIA.

Regulamento e download do Formulário de Candidatura em: http://platicemar.pt e http://aciff.pt.